Notícias

Serra Leoa: Chefe de aldeia condenado por obstrução ao combate ao ébola

292 Visualizações | Luanda Digital

Amadu Kargbo foi condenado a seis meses de prisão e uma multa no valor de 190 euros, por um tribunal de Moyamba, à luz da legislação de combate à propagação da epidemia do ébola. O responsável terá que completar 21 dias de quarentena antes de cumprir a pena de prisão. Trata-se do período de incubação do vírus, que visa garantir que não existem vestígios da doença no organismo. Amadu Kargbo foi acusado de violar as medidas de segurança relacionadas com o vírus, depois de ter enterrado secretamente vítimas da doença, incluindo a filha e a mulher. O chefe da aldeia ocultou ainda um caso de uma pessoa infectada.

Fonte: Luanda Digital

c

©2021 ASGLOBAL / Angola Formativa // Viana - Luanda - Angola | Agência WebdesignBYDAS

Voltar ao Inicio

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

mestrado

doutoramento

licenciatura

faculdades