Populares podem perder casas por falta de ocupação

24-12-2016

Populares que beneficiaram de casas atribuídas pelo Governo da Huíla, na centralidade da Eywa, comuna da Arimba, no Lubango, e decidiram abandoná-las correm o risco de perder a propriedade por ausência de ocupação, alertou o governador provincial

Avaliar

Comentários (X)

Deixe um comentário...