Notícias

Guiné-Bissau: PR orgulhoso com a tomada de posse de membros do Conselho de Estado

267 Visualizações | Luanda Digital

«É com muito orgulho que dou posse aos membros do Conselho de Estado, como determina a nossa Constituição da República», disse José Mário Vaz. No seu discurso durante o acto, o Chefe de Estado guineense destacou a importância da cerimónia, que disse estar repleta de muitos significados, no fecho de mais um capítulo no processo de retorno gradual e progressivo a normalidade constitucional iniciado com as últimas eleições Gerais que tiveram lugar no ano passado no país. Neste sentido, o Presidente da República alertou que o actual contexto socio-político do país impõe a responsabilidade acrescida a todos os titulares de cargos públicos, desde a base até ao topo da hierarquia, para que, como é do interesse nacional, o dever do Estado não seja defraudado nas legítimas expectativas de desenvolvimento e gozo de uma vida digna para todos os guineenses. Recordando o seu recente discurso na abertura do ano judicial, Mário Vaz voltou a sublinhar que a resposta aos desafios que o país enfrenta em termos de desenvolvimento só pode ser conseguida de forma satisfatória, mantendo as instituições interdependentes e interligadas, num contexto em que a unidade do Estado seja uma realidade inquestionável. A questão da unidade nacional, justiça, combate à corrupção e ao nepotismo foram, entre outras, destacadas pelo Chefe de Estado, dizendo que devem ser combatidas para que as instituições possam ser fortes e estáveis. Numa clara alusão às recentes declarações do Presidente da Assembleia Nacional Popular em Angola, Mário Vaz disse que não é compreensível que o Estado guineense não seja capaz de expressar junto dos seus parceiros, numa única voz e de forma concertada, defendendo que não é aceitável que o titular de um órgão de soberania se pronuncie em nome da Guiné-Bissau sem um mandato para este efeito ou sem articulação com outros órgãos competentes para estas declarações políticas. O Chefe de Estado guineense pediu maior responsabilidade, concentração e uma dose adequada de reserva e descrição na conduta pública, dado que esta situação não ajuda à reabilitação da imagem das instituições da República, dizendo que o Conselho de Estado vai ser chamado em breve a pronunciar-se sobre este contexto. A terminar, o Presidente da República disse que o país se encontra num desafio crucial para a afirmação e o futuro das instituições, bem como os valores que nelas se representam. O Conselho de Estado é integrado pelo Presidente da Assembleia Nacional Popular, Cipriano Cassamá, e o Primeiro-ministro, Domingos Simões Pereira, entre outras figuras políticas, assim como os representantes de diferentes formações políticas. O organismo serve-se de consultas obrigatórias do Presidente da República sobre os mais diversos assuntos da soberania nacional.

Fonte: Luanda Digital

c

©2021 ASGLOBAL / Angola Formativa // Viana - Luanda - Angola | Agência WebdesignBYDAS

Voltar ao Inicio

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações

superior

angola

instituto

politécnico

luanda

ciências

licenciatura

doutoramento

mestrado

formações