Informática e Gestão Empresarial

O Curso de Licenciatura em Informática de Gestão Empresarial na ESPM visa formar técnicos superiores/graduados capazes de assumir um papel dinâmico de interligação entre os órgãos de gestão e a área técnica de informática

Duração
5 Ano(s)
Objetivos Gerais do Curso
O Curso de Licenciatura em Informática de Gestão Empresarial na ESPM visa formar técnicos superiores/graduados: • Capazes de assumir um papel dinâmico de interligação entre os órgãos de gestão e a área técnica de informática; • Habilitados a conceber e implementar processos de negócios suportados em sistemas de informação e ferramentas informáticas que promovam a competitividade organizacional; • Capazes de aplicar modelos de fluxo de informação que facilitem a tomada de decisão a nível da gestão intermedia e de topo; • Orientados para as necessidades de informação das organizações e a gestão do conhecimento no sistema organizacional; • Capazes de, ao longo da sua carreira profissional, assumir tarefas de responsabilidade nas organizações, a nível técnico ou de direção, e contribuir para a gestão da informação e do conhecimento; • Capazes de manterem um diálogo com vários departamentos e pessoas, cultivando o gosto pela aprendizagem e investigação, que contribuam para o desenvolvimento de novas competências centrais que permitam à organização alcançar vantagens competitivas sustentáveis; • Preparados para aprender e utilizar de forma efectiva técnicas e ferramentas que surjam no futuro, tornando-os assim validos em organizações em que seja necessária a inovação permanente; • Com apetência pelo empreendedorismo em atividades económicas associadas às Tecnologias de Informação e Comunicação.
Objectivos da Aprendizagem e Competências a Desenvolver
Pretende-se assegurar aos estudantes uma componente de aplicação dos conhecimentos e saberes adquiridos às atividades concretas do respetivo perfil profissional, assente no seguinte conjunto de competências: • Gerir os recursos organizacionais relacionados com as tecnologias e os sistemas informáticos; • Gerir projetos de desenvolvimento e planeamento de sistemas de informação no âmbito de contextos organizacionais; • Desenvolver atividades de consultoria na área das tecnologias e dos sistemas de informação Para além destas, procurar-se-á ainda promover competências de carácter mais transversal, que permitam aos alunos maior autonomia no estudo, melhor gestão do tempo, capacidade de resolução de problemas, reforço da capacidade de expressão e de comunicação em público, aspetos importantes para um bom desempenho na vida profissional.
Regime de Estudo
presencial Diurno
Acesso a um Nível de Estudos Superior
O grau de Licenciado em Informática de Gestão Empresarial permite a candidatura a estudos pós-graduados em Administração e Gestão, Sistemas de Gestão, Tecnologias de Informação e Comunicação.
Condições de Acesso e Ingresso
Poderão inscrever-se na Licenciatura em Informática de Gestão Empresarial os candidatos que tenham concluído o ensino secundário e tenham sido aprovados em curso de preparação para acesso ao ensino superior ou em exame de acesso a efetuar pela ESPM. O exame de acesso consistirá na realização de provas em Língua Portuguesa e Matemática, cobrindo o conteúdo programático definido especificamente pela ESPM na base dos programas curriculares aprovados para o ensino secundário, onde os candidatos deverão ter nota igual ou superior a 10 valores na escala de 0 a 20.
Reconhecimento da Aprendizagem Prévia
Não há reconhecimento da aprendizagem prévia.
Enquadramento Legal da Qualificação
legislação de relevo no enquadramento da qualificação
Saídas Profissionais
O plano curricular do curso aponta para perfil de formação sólido, internacionalmente reconhecido, no contexto de resposta das ciências da computação às necessidades organizacionais, através da formação de especialistas com formação profissionalizante de base em tecnologias da informação – information technologies – e sistemas de informação – information systems. Nesta perspetiva, a formação integrada e multivalente nos domínios das Ciências de Gestão e das Tecnologias de Informação e das Comunicações abre excelentes oportunidades de carreira nas seguintes áreas: • Gestor funcional (director de PMEs) • Gestor de Sistemas de Informação • Analista de risco e de segurança de Sistemas de Informação • Especialista em Especificação, Conceção e Desenvolvimento de Sistemas de Informação e de Apoio à Decisão a diversos níveis: estratégico, de gestão e operacional (e.g. Sistemas de Informação Financeiros, aplicações para ambiente Web, programação visual orientada a objetos, e-learning, business intelligence, Sistemas Inteligentes, etc.) Gestor de empresas (a nível departamental, área de negócios e global); Consultor em processos de negócio; Auditor de gestão; Criador de empresas com um elevado grau de digitalização; Consultor especialista no levantamento e redefinição no processo de negócio; Bancário; Empreendedor.
Regras de Avaliação e Classificação
Sendo a avaliação uma atividade pedagógica indissociável do ensino, destina-se a apurar as competências e os conhecimentos adquiridos pelos estudantes, o seu espírito crítico, a capacidade de enunciar e de resolver problemas, bem como o seu domínio da exposição escrita e oral. São admitidos a provas de avaliação os estudantes inscritos nas respetivas unidades curriculares no ano letivo a que as provas dizem respeito e, simultaneamente, inscritos nessas provas, quando tal inscrição for necessária, nos termos dos Regimentos Académicos da Universidade Mandume Ya Ndemufayo e da ESPM. Entendem-se por elementos de avaliação os seguintes exemplos: Exame escrito ou oral, testes, trabalhos escritos ou práticos, bem como projetos, individuais ou em grupo, que poderão ter de ser defendidos oralmente e a participação nas aulas. A avaliação de cada disciplina ou cadeira pode incluir um ou mais dos elementos de avaliação indicados anteriormente. A classificação de cada estudante, para cada disciplina, traduz-se num valor inteiro compreendido entre 0 e 20 valores e consideram-se aprovados os estudantes que obtiverem a classificação final mínima de 10 valores. Sempre que a avaliação de uma cadeira compreenda mais do que um elemento de avaliação, a nota final é calculada a partir das classificações obtidas em cada elemento de avaliação, através de uma fórmula própria
Requisitos para Obtenção da Qualificação
Para obter a certificação o aluno deverá estar habilitado em todas as disciplinas do curso, obter nota de aprovação do Trabalho de Fim de Curso – TFC, possuir atestado de conclusão de estágio, conter 200h de atividades complementares e outorgar grau com cerimônia organizada pela Instituição de ESPM para o recebimento da certificação.
Graduation in Informática e Gestão Empresarial at

Academic Degree

Graduation

Scientific area

Business Sciences

Location

Huíla

Review

Share

Advertising

Pre-Registration/Expression of Interest

This course does not have active pre-registrations

Comments (X)

Leave a comment...

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

gestão

informação

licenciatura

master

sistemas

angola

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola