Informação

Existe alguma dificuldade para enunciar uma definição de História, porque não há uma, mas várias definições. Para Heródoto (480 – 425 a.c.), cognominado Pai da História, a palavra História significava uma narração verídica e ordenada de factos humanos ocorridos no passado. Segundo H. I. Maroou, a História é “o conhecimento do passado humano…”  

Nos nossos dias, o conceito de história comporta um campo mais lato, designando o estudo de todos os acontecimentos importantes que se deram no passado.

A História tem finalidades ou, se quisermos, funções sociais; destacamos 3 dessas funções:

1. Pedagógica: a história é a mestra da vida… As lições da história, portanto do passado, servem, no presente, para projectar o futuro.
2. Teleológica: a história é o meio para construir um futuro melhor…
3. Gnosiológica: a história visa simplesmente a procura da verdade sobre o passado humano.

É importante referir que existem três “escolas” históricas: 1. Marxista; 2. Positivista; e, 3. a dos Annales.

Marc Bloch, historiador francês costumava comparar o bom historiador ao monstro da lenda: “onde farejar carne humana é que está a sua caça…” Hegel talvez tenha sido menos dramático, quando afirmou: “As épocas de felicidade da humanidade são páginas em branco no seio da história universal”. 

Como é evidente, as ocorrências negativas e tristes (guerras, assassinatos, conspirações, revoluções, etc.) preenchem mais páginas nos manuais de História, mas o homem, ao longo da sua milenar existência, tem produzido coisas boas, belas e úteis dignas de registo, tais como obras de arte, instrumentos de trabalho, conhecimento científico, concepção de leis, construção de cidades, manifestações culturais, entre outras “construções”.

O Departamento de História herdou o curso de História que estava adstrito ao Departamento de Ciências Humanas da extinta Faculdade de Letras e Ciências Sociais. O mesmo está constituído por uma equipa dedicada e empenhada a marcar passos firmes a um sólido reconhecimento no campo académico, na base de um programa vinculado às tendências da disciplina a nível internacional.


Saídas Profissionais

O licenciado em História é um profissional que pode trabalhar como:
- Técnico, pesquisador ou gestor de Centros, Institutos ou outras instituições de Ciências Sociais e Humanas, Arquivos Históricos, Museus, Casas de Cultura, Centros de Documentação, Bibliotecas, Instituições de Gestão e Protecção do Património Cultural (nacional, provinciais, municipais);
- Docente/pesquisador no Ensino Superior (depois da Agregação Pedagógica) e no Ensino Secundário;
- Assessor para Assuntos Culturais na Administração de qualquer instituição;
- Adido Cultural nas diferentes representações diplomáticas de Angola no mundo;
- Empresário cultural; Curador/Gestor de Fundações/Associações de natureza cultural;
- Jornalista/Editor de Cultura nos diversos órgãos de comunicação social;
- Gestor de Recursos Humanos nas diferentes instituições públicas e/ou privadas (depois de uma pós-graduação profissionalizante). 

Ver os comentários (2) sobre este curso.

Pré-inscrição/Manifestação de Interesse

A pré-inscrição é uma manifestação de interesse perante este curso. Os serviços acedémicos da instituição, caso o seu perfil esteja de acordo com os requisitos, entrarão em contacto consigo para dar seguimento à sua inscrição.

Indique qual a escola que frequentou, com que média terminou, se possui condições económicas entre outros dados que considere importantes para a primeira avaliação do seu perfil.

CONDIÇÕES:
a) Angola Formativa não se responsabiliza por eventuais falhas na distribuição das fichas de pré-inscrição às respectivas instituições de ensino.
b) Os dados introduzidos pelos candidatos são da exclusiva responsabilidade dos mesmos.
c) O procedimento de pré-inscrição é um acto de manifestação de interesse do futuro candidato, pelo que deve ser o mesmo a garantir, por outros meios, que este procedimento foi realizado com êxito.

Informação

Documentos Necessários

Depois de efectuada a pré-inscrição deverá preparar a seguinte documentação (que pode variar de instituição para instituição e de grau académico para grau académico):

  • Original e cópia do certificado de habilitações com notas discriminadas do grau de ensino imediatamente inferior ao que se prentede candidatar.
  • Original e cópia do documento de identificação (B.I, passaporte ou cartão de residente).
  • Declaração de serviço, para os candidatos trabalhadores. Documento militar ou policial, caso seja militar ou polícia.
  • Atestado de situação militar regularizada para os candidatos masculinos em idade militar.
  • Três fotografias tipo-passe recentes.
  • Comprovativo do pagamento bancário da inscrição.

Leave a comment

Leave your comment or question on the topic here to help the community or for the community to help you

Comments

©2021 ASGLOBAL / Angola Formativa // Viana - Luanda - Angola | Agência WebdesignBYDAS

Back to start

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola

instituto

superior

angola

ciências

luanda

história

politécnico

master

formação avançada

estudar em angola