Engenharia em Informática

Duração

5 Ano(s)


Coordenador(es) do Curso

Edson Caimbuca Fonseca Livongue ([email protected])


Objetivos Gerais do Curso

o objectivo central do curso da engenharia informática no DIC/UMN, seja a formação de diplomados responsáveis, equilibrados e abrangentes dos pontos de vista científico, profissional e social e cientes da necessidade de aprendizagem ao longo da vida. Para o alcance deste objectivo, urge a necessidade de uma revisão curricular de facto, e de mudança da filosofia no relacionamento professor-estudante, dando maior acompanhamento ao estudante no exercício da criação do espírito e habilidades de criar o conhecimento versus acumulação de informação científica. Contribuem para o objectivo central, as ideias e esforços de introduzir no plano de estudos disciplinas como a deontologia informática, a Jus cibernética (a informática jurídica e o direito informático) e a segurança de informação em redes de computadores, que o estudante saiba confrontar com a arquitectura e organização dos computadores, permitindo a união do hardware e software a partir dos elementos básicos dum computador (registadores, memoria, ALU, barramentos), questão essencial para o futuro desenvolvimento de programas de alto nível. Com seus equipamentos, pode-se fazer e executar programas na linguagem de montagem para um melhor entendimento de todo o processo dentro de um computador. Também o estudante poderá desenvolver competências gerais e específicas (saber, saber fazer, saber comportar-se) vinculadas a reparação e manutenção de computadores; que o estudante saiba desenhar os vários tipos de redes de computadores, o trabalho com os elementos activos e passivos, configuração de servidores, desenho de programas (engenharia de software) de alto nível baseado em gestão de dados, programação visual, computação gráfica, inteligência artificial, páginas WEB tudo mediante o uso de computadores de alto desempenho (Intel CoreI7, 8 GB RAM DDR3, 1 TB SSD).


Objectivos da Aprendizagem e Competências a Desenvolver

a formação de diplomados responsáveis, equilibrados e abrangentes dos pontos de vista científico, profissional e social e cientes da necessidade de aprendizagem ao longo da vida.


Regime de Estudo

presencial Diurno


Acesso a um Nível de Estudos Superior

Os graduados poderão frequentar curso de pós-graduação em Mestrado e Doutoramento.


Condições de Acesso e Ingresso

para o acesso no curso é necessário que o candidato seja; técnico médio em ciências exactas, tenha bases ou curso básico de informática ou seja conhecimentos prévios sobre o curso.


Reconhecimento da Aprendizagem Prévia

Não existe reconhecimento da Aprendizagem Prévia


Enquadramento Legal da Qualificação

legislação de relevo no enquadramento da qualificação


Saídas Profissionais

O actual contexto da sociedade da informação e conhecimento, impõe grandes exigências e necessidades a nível tecnológico, onde os Engenheiros Informáticos desempenham um papel crucial. O importante crescimento na área dos serviços (por exemplo, banca, seguros, turismo, empresas prestadoras de serviços de tecnologias de informação) e a necessidade premente da reestruturação da Administração Pública e Indústria tornam evidente a escassez de recursos humanos qualificados nesta área em Angola. A formação geral da Licenciatura no modelo 4+1 proposto neste trabalho, poderá oferecer ao estudante as competências técnicas e científicas sólidas para desempenhar funções em qualquer área da Engenharia Informática, por exemplo: 1. Integrar equipas de desenvolvimento de sistemas informáticos complexos, por exemplo nas áreas da banca, seguros, administração pública, multinacionais, etc.; 2. Especificar, conceber e desenvolver sistemas informáticos, em particular ao nível dos sistemas de informação adequados aos objectivos e necessidades das empresas e à sua cultura organizacional; 3. Conceber, desenvolver e manter de redes de comunicação digital e serviços telemáticos; 4. Capacidade para integrar diferentes fontes e formatos de informação no sistema de informação; 5. Manter uma memória da organização de modo a responder aos desafios da mudança, através da resposta correcta dos sistemas de informação e de uma aprendizagem dos seus modelos de negócio (sistemas de apoio a decisão); 6. Especificar, conceber e desenvolver projectos e aplicações multimédia na área de simulação por computador (por exemplo aplicados a medicina, sistemas de treino, aplicados a modelos complexos, aplicados às ciências sociais, etc.); 7. Investigar e desenvolver novas aplicações (bases de dados multimédia, realidade virtual, interfaces multimodais humano-máquina, entretenimento e imagem, agentes inteligentes, etc.); 8. Realizar actividades de Investigação e Desenvolvimento (I&D) de âmbito nacional e internacional, assim como, ter competências para carreiras no Ensino Universitário, Indústria, Serviços e Consultoria em Tecnologias de Informação e Comunicação. 9. Ter um conjunto de Competências Transversais, nomeadamente, a capacidade de comunicação oral e escrita, de gestão de projectos de engenharia informática numa perspectiva de empreendedorismo, inovação e transferência de tecnologia. Estas competências conferem-lhes uma visão global sobre a prática e a gestão da Engenharia, que integra aspectos tecnológicos, económicos, ambientais, etc. 10. Integração a e manutenção de sistemas de redes informáticos; 11. Capacidade para o desenvolvimento de sistemas inteligentes e sistemas para a extracção e modelação de conhecimento.


Regras de Avaliação e Classificação

O processo de avaliação da aprendizagem é parte integrante do processo de ensino e obedece às normas e procedimentos pedagógicos estabelecidos pelo ISPH. A avaliação constitui processo contínuo, sistemático e cumulativo. A aprendizagem do aluno, nas disciplinas regulares constantes no currículo, será avaliada ao longo do semestre lectivo e será expressa, para fins de registro académico, A avaliação da aprendizagem é expressa numericamente numa escala de zero (0) a vinte (20) valores. É considerado aprovado o aluno que, tendo 50% de frequência na disciplina.


Requisitos para Obtenção da Qualificação

Aprovação em todas as cadeiras do Curso e defesa com sucesso do Trabalho de fim do Curso. O estudante terá disponíveis 12 meses para fazer uma dissertação sobre um tema de reflexão de carácter interdisciplinar relacionado com a área científica principal do curso.


Graduation in Engenharia em Informática at

Academic Degree

Graduation

Scientific area

Applied Sciences

Location

Huíla

Review

Share

Advertising

Pre-Registration/Expression of Interest

This course does not have active pre-registrations

Comments (X)

Leave a comment...

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola

angola

master

mestrado

doutoramento

licenciatura

curso

universidades

faculdades

luanda

estudar em angola